pensamentos, desabafos, histórias de um esqueleto humano que por aqui vagueia...

Quarta-feira, 05 de Setembro de 2007

Homens

Mas será que alguma vez, em alguma altura aguém me pode explicar como raio funcionam os homens...raios partam os "gajos"...

Não sabem o que querem, dão um passo à frente para logo de seguida dar meia dúzia atrás...livra...chatos...

Há uns valentes anos atrás, uma amiga dizia que os homens deviam de ser como os micoondas, deviam de vir com livro de instruções...concordo plenamente...

Não os entendo, então este em particular, anda-me a "azucrinar" a paciência hà uns bons par de meses, começo a ficar doida...

É crise de ciúmes, é fazer perguntas estranhas e depois não dizer o porquê, é saber exactamente onde está o carro, dá respostas tortas e depois está à espera que eu diga que está tudo bem, pois bem não está...

Ou sabem o que querem ou não sabem...

E depois não sou propriamente fácil, e diga-se de passagem estou a ficar o que era...acelerada, decidida, refilona, ou seja o que sempre fui mas tem andado adomecida...

Estou a acordar e aficar sem paciência...

Por favor alguém me diz como eles funcionam...

Livra...chatos...

publicado por bones às 15:35
sinto-me: possuida
música: My chemical romance

Racismo

Tenho andado num frenesim louco, ora porque tenho muito trabalho, ou então tenho ido para o médico.

Não tenho tido sequer tempo de ler os meus blogs de eleição, não consegui responder aos comentários e nem tempo tenho tido para estar com os meus amigos.

Mas apesar de tudo sinto-me bem, cansadita, mas bem....

O fim de semana foi de loucos, imenso trabalho (com algumas risadas pelo meio), uma ida à urgência do hospital (que me pôs com os cabelos em pé) e ainda alguma coscuvilhice pelo meio...

Sou absolutamente contra qualquer tipo de racismo, seja ele pela raça, pela côr ou até mesmo pela religião que praticam, sou contra...

No domingo vi alguém a ser marginalizado (literalmente) por ser cigano (neste caso uma mulher cigana grávida), não gostei do que vi...

Estava eu à espera de ser atendida na urgência de um certo hospital público do norte, quando vejo uma cigana para trás e para frente a refilar porque mandaram uma mulher grávida esperar, ora eu sei que as mulheres grávidas e crianças têem prioridade mesmo com o sistema de manchester a funcionar...

E eu perguntei-me será que esta mulher grávida não tinha o mesmo direito de ser observada na hora porque era cigana? Fiquei triste e revoltada por vivermos num país de preconceitos e ainda mais triste fiquei quando vi a mulher a ser atendida de urgência quando começou a vomitar na rua...é triste e revoltante...

Eu já fui assaltada por ciganos, e não fiquei com rancor, e o estabelecimento da minha mãe também foi assalto e não foi por ciganos...

Continuo a achar que podem existir pessoas boas e más independente de raça ou credo, não sou racista daí que me sinta revoltada de cada vez que vejo uma situação destas...

Espero muito sinceramente que a rapariga fique bem e que o bébé nasça com saúde para daqui a uns anos estarem na feira descalços a dizer é "barato"...

Quanto a mim, vou ter mesmo que ser operada às pernas, e estas visitas ao médico só me confirmaram isso...

 

 

publicado por bones às 10:42
sinto-me: revoltada

mais sobre mim

Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
14
15
16
20
22
23
29

pesquisar

 

arquivos

comentários recentes

  • Join the club...
  • és igual a mim pelo q dizes : Dadd: laurahulst@hot...
  • É um prazer fazer-te rir...
  • Ainda bem que gostas. Explora bem o Josh Groban po...
  • LOLEpá, dos melhores posts que li nos últimos temp...
  • E também te ajudo a ti, Pepita :) Beijoca, Joana
  • Se me pedires para por estrelinhas piscar é que nã...
  • Do mesmo mal me queixo eu, e então agora que deu a...
  • É de facto uma música espetacular com uma letra à ...
  • tambem esta bem...

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

subscrever feeds