pensamentos, desabafos, histórias de um esqueleto humano que por aqui vagueia...

Sexta-feira, 21 de Setembro de 2007

Confusão

Quando há um ano e meio atrás resolvi fazer o meu mapa astral achei aquilo bastante engraçado...

Ora para quem não sabe fazer um mapa astral não é nada de esotérico nem de previsão de futuro, mas tem a ver com matemática e com astronomia, tem a ver com o alinhamento dos planetas em determinada hora e isso pode dizer como nós poderemos agir em determinada situação, ou não...

Como já aqui tinha dito eu sou do signo escorpião, o que eu fiquei a saber foi o seguinte:

 tenho como ascendente o signo Virgem e como descendente o signo sagitário.

E eu perguntei " E o que significa?"

É assim, o meu signo é complicado, mas devido à conjuntura dos planetas na hora de nascimento não fiquei com o lado mais "negro" do signo (pois tá bem), é característico da minha parte fazer perguntas sem parar (qual PJ ), gostar de ir ao fundo de todas as questões (sejam elas quais forem, não me deixem sem resposta), ser persistente e muito determinada, a parte obscura é ter um fascínio pela morte (não sou daquelas que andam sempre de preto e com cabedal, não tenho nada contra  de quem assim anda).

O signo Virgem, dá-me para ser picuinhas, perfeccionista (às vezes), o signo Sagitário dá-me vontade de conhecer o mundo e viajar e de ler muito... a pessoa que me fez o mapa disse muito mais mas isto foi o que achei mais idêntico com a minha pessoa.

Uma coisa que ela também me disse foi que a minha vida têm uma tendência natural de, de sete em sete anos haver uma transformação, assim sendo o sétimo ano está a chegar, por isso sinto-me a aguardar.

E perguntam vocês por que raio vos dei uma explicação destas? É simples, não me apetece falar ou escrever sobre a confusão que paira na minha cabeça...

Por causa do trabalho, do gajo, da casa (que me dá algumas dores de cabeça), mas apesar de tudo sinto-me satisfeita comigo própria, porque esta recordação de há um ano e meio, fez-me lembrar de algo fantástico, de tudo o que consegui neste tempo...

A minha primeira vitória foi ter conseguido ir morar sozinha (nunca pensei ter capacidade para tal), consegui um trabalho como temporária de onde depois dei o salto para onde (gostando ou não é um trabalho com um ordenado ao fim do mês), e conheci pessoas fantásticas que me ajudaram a ultrapassar um dos anos mais complicados neste meus quase 29 anos (o que me faz lembrar que está quase a chegar o Halloween , o meu dia)...

Por isso hoje desculpem este discurso tão longo...

 

 

 

 

publicado por bones às 16:06
sinto-me: Iluminada e estranha
música: Tudo

mais sobre mim

Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
14
15
16
20
22
23
29

pesquisar

 

arquivos

comentários recentes

  • Join the club...
  • és igual a mim pelo q dizes : Dadd: laurahulst@hot...
  • É um prazer fazer-te rir...
  • Ainda bem que gostas. Explora bem o Josh Groban po...
  • LOLEpá, dos melhores posts que li nos últimos temp...
  • E também te ajudo a ti, Pepita :) Beijoca, Joana
  • Se me pedires para por estrelinhas piscar é que nã...
  • Do mesmo mal me queixo eu, e então agora que deu a...
  • É de facto uma música espetacular com uma letra à ...
  • tambem esta bem...

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro